Orange is the new black (4th season)

OITNB

Com muitas reviravoltas, novas detentas, novos guardas, novo chefe, nova direção, novos problemas, velhos e novos amores, a quarta temporada embarca em um cenário lotado, cheio de regras e policiais que não valem o café que tomam em Litchfield. Vamos começar!!!

Já no primeiro episódio nosso querido Capitão Caputo é promovido ao cargo de Diretor de Recursos Humanos o que, em outras palavras, o torna o responsável da prisão, seguindo ordens de outro grupo corporativo que comprou Litchfield. Ele apenas não tem ideia das responsabilidades e problemas que o cargo lhe trará.

caputo

Além de todos os problemas decorrentes, temos uma nova detenta and a famous one. Judy King! Ela é uma apresentadora de TV importante e tem muitas fãs por lá. Ela encanta muitas das mulheres com suas conversas adultas e sotaque do interior no começo, mas depois acaba não sendo a apresentadora perfeita a lá Martha Stewart que todas esperavam.

judy king

Novas detentas chegam à prisão, super lotando os dormitórios já preenchidos, o que causa irritação, novas brigas e falta de produtos, inclusive produtos de higiene. Apesar das gangues que surgem durante a temporada e os novos “negócios” que elas começam a tomar conta, vemos que o ambiente vai ficando menos hostil com o passar dos episódios. Uma personagem que vale a pena destacar é Piper. Ela continua achando que manda na prisão e que todas a temem, agindo de forma híspida com as outras e ignorando as que sempre estiveram ao seu lado. Porém, ela toma o que merece e dá uma acalmada nos nervos!! Alex Vause também é uma personagem que, apesar de, na minha opinião, não desempenhar um papel tão importante agora, teve um crescimento bacana com alguns acontecimentos que a cercam… E claro, além delas, muitas outras merecem destaque por seu crescimento, mas se eu falar demais termino este post só amanhã! o/

novas detentas

Conhecemos a Lolly, uma jornalista esquizofrênica que acredita existirem forças governamentais atrás dela. Eu sinceramente, amei a personagem e a atriz Lori Petty e é possível sentir junto com ela, sofrer com as vozes em sua cabeça. Mas o ponto alto desta personagem (depois de um ponto hiper mega alto que é levado até fim da temporada) vem com o ponto alto de outro personagem, Sam Healy. Desde de a primeira temporada gosto de vê-lo tentando ajudar as detentas, ajudá-las quanto mulheres e quanto pessoas normais que precisam de auxílio. O problema é que ele sempre tem um momento falho e às vezes eu até me irritava com as decisões que ele tomava. Porém, nesta temporada, vemos o que o levou a trabalhar com aquilo, o que o motivou e ele tenta ajudar Lolly da melhor maneira possível, ele se identifica com sua condição mais do que deveria e, infelizmente, o final deles são bem parecidos e, pelo menos o dele, honesto.

healy and lolly

Uma personagem MARAVILHOSA e QUERIDA retorna após alguns favores sempre feitos porém, infelizmente, ela acaba retomando velhos hábitos. Ainda assim, muitos fãs, como eu, devem ter ficado mega felizes ao revê-la! (Não vou falar quem é porque eu fiquei surpresa e desejo essa surpresa para todos e todas hahaha)

Para tristeza geral dos fãs uma personagem retorna e outra se vai. Sim, uma das personagens mais amadas e a minha preferida do fundo do coração morre! E é uma morte tão rápida, feia e injusta que dá aperto no coração só de lembrar. Eu chorei muito com o acontecido mas isso foi só até metade do último episódio que tem mais reviravoltas do que a temporada toda!

Alguns dos novos guardas são completos babacas que tratam as mulheres de Litchfield como lixos, desrespeitando-as e impondo regras sob elas que nem o diretor da prisão sabe, mas enfim, esses guardas acabam deixando o ambiente que elas vivem tão ruim que, em apoio a outra detenta muito foda e querida, Red Reznikov, iniciam uma manifestação pacífica que vai bem, até esses guardas brutamontes, mal amados resolvem agir com violência. Bom, a revolta das detentas se espalha e as une como nunca antes, todas saem de seus dormitórios em busca de justiça, nem que esta tão almejada justiça tenha que ser feita com suas próprias mãos.

novos guardas

movimento pacífico

E a temporada acaba. Foram 13 episódios angustiantes, chorosos, que me fizeram passar raiva e que, ao final do 13º me fizeram sentir arrependida por ter feito maratona e agora ter que esperar UM ANO para a continuação… É triste, mas eu adoro essa série. Acredito que ela só cresce a cada temporada e vou esperar ansiosamente até Junho de 2017!!

Espero que tenham gostado do post ou que pelo menos tenham lido até o fim já que exagerei um pouco! Tentei (e acho que consegui) não deixar escapar nenhum spoiler que vá estragar toda a trama para ninguém e usei muitas imagens porque deu vontade e dá mais vida ao post hahaha

Comentem, curtam, divulguem, ASSISTAM para comentarem o que acharam desta temporada comigo e até a próxima honey bunnies! :*

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s